IFSC de Xanxerê é afetado com bloqueio de repasses de recursos por parte do Governo Federal

Em nota a Reitoria do IFSC informou que muitas atividades ligadas aos alunos, tais como ensino, pesquisa e extensão, terão que ser paralisadas, pois com o recurso que será disponibilizado, o Instituto não conseguirá finalizar o ano letivo.

Cadastrado em 03/05/2019 11:00

Notícia por Agência de Notícias Qbo Mais

IFSC de Xanxerê é afetado com bloqueio de repasses de recursos por parte do Governo Federal

O Instituto Federal Catarinense (IFSC) sofreu bloqueios em sua dotação orçamentária anual por parte do Governo Federal, no último dia 30 de abril. A medida integra cortes anunciados pelo Ministério da Educação para todos os Institutos e Universidades Federais. No caso do IFSC, os bloqueios foram os seguintes:

*Capacitação: 30% de redução, resultando em um total de R$ 138.288,00

*Custeio: 39% de redução, resultando em um total de R$ 18.027.046,00

*Investimento: 30% de redução, resultando em um total de R$ 1.197.816,00

Diante de tais perdas, a Reitoria do IFSC enviou na quinta-feira (2), memorando circula às Direções Gerais de todos os seus campus com intuito de informar sobre os bloqueios, detalhar a implicância dos cortes em cada unidade e recomendar a adoção de medidas de economia – priorizando serviços essenciais como água, energia, telefonia e serviços terceirizados.

Com 22 campus, hoje o IFSC atende mais de 50 mil estudantes no estado de Santa Catarina, atuando desde a formação inicial continuada (cursos de qualificação), educação de jovens e adultos (Proeja), ensino médio técnico, cursos técnicos subsequentes, formação de professores, cursos superiores (graduação), e pós-graduação (especializações e mestrados).

Em nota a Reitoria do IFSC informou que muitas atividades ligadas aos alunos, tais como ensino, pesquisa e extensão, terão que ser paralisadas, pois com o recurso que será disponibilizado, o Instituto não conseguirá finalizar o ano letivo.

Desde 2016 o orçamento que o IFSC tem para a continuidade de suas ações é o mesmo. Ou seja, não houve incremento nenhum. Com o bloqueio dos recursos as unidades do IFSC de Xanxerê, Araranguá, Canoinhas, Caçador, Chapecó, Criciúma, Florianópolis, Florianópolis – Continente, Garopaba, Gaspar e Itajaí, Jaraguá do Sul-Centro, Jaraguá do Sul -Rau e Joinville, Lages, Palhoça, São Carlos, São Lourenço do Oeste, São Miguel do Oeste, São José, Tubarão e Urupema, foram diretamente afetadas.

Fonte: Ronda Policial.


Tags da postagem

Geral Xanxerê 30 de abril de 2019 Gastos e Orçamento Aproveitamento de Bens Materiais Cidadania e Direitos bloqueio de repasse de recursos IFSC