Santiago do Sul, o menor colégio eleitoral de SC

Vereadores aprovaram redução no valor dos subsídios dos próximos legisladores.

Em 16/10/2020 18:18
Atualizado em 16/10/2020 18:23

Notícia por Agência de Notícias Qbo Mais

Santiago do Sul, o menor colégio eleitoral de SC

Os vereadores eleitos em 15 de novembro de 2020, irão receber subsídios menores dos atuais vereadores no município de Santiago do Sul. De acordo com a Lei Municipal Nº986/2020 – De 30 De Junho De 2020, os valores ficaram assim estabelecidos:

                 Art. 1º O subsídio mensal do vereador do município de Santiago do Sul, Estado de Santa Catarina, a viger para a 7ª Legislatura, a iniciar-se em 1º de janeiro do ano 2021, será de R$ 1.800,00 (um mil e oitocentos reais).

                Art. 2º O Suplente de vereador, quando convocado, receberá o mesmo subsídio do titular, desde sua posse até o término da substituição.

                 Parágrafo único: Para efeitos de cálculo do subsídio do suplente tomar-se-ão por base as sessões realizadas e comparecidas pelo mesmo proporcionalmente.

                 Art. 3º O vereador presidente, no efetivo exercício deste cargo, receberá subsídio mensal de R$ 2.500,00 (dois mil e quinhentos reais) mensais.

 A atual legislatura (2017/2020) conforme Lei Municipal Nº 819/2016 De 30 De Maio De 2016, os valores do subsidio destinado ao vereador é de R$ 2.080,00 (dois mil e oitenta reais).

Fonte/Foto:QuilomboMais Foto:TSE

Publicidade


Tags da postagem

Voto Leis salario de vereadores eleições 2020 local Dan Amaral Santiago d Sul 16 de outubro de 2020